the hands show the way of the heart

# Dia 146

| On
October 19, 2010
"Solidão de manhã,
Poeira tomando assento
Rajada de vento,
Som de assombração, coração
Sangrando toda palavra sã

A paixão puro afã,
Místico clã de sereia
Castelo de areia,
Ira de tubarão, ilusão
O sol brilha por si"

Tenho andado a trautear o refrão desta música há vários dias (costumava ouvir a versão da Gal Costa na casa do meu pai quando era criança). Mas não conseguia lembrar-me do começo, até voltar a ouvi-la no casamento da Natasha e do André. Os músicos do casamento eram mesmo muito bons. (foi um previlégio e, já que ando a falar muito sobre isso, foi também mais uma sincronicidade)

...

Eu gosto mesmo é da luz da manhã, da atenção aos detalhes... sons e cheiros.
Gosto dos gestos lentos da manhã.
Isso deixa-me sempre perfeitamente feliz.
2 comments on "# Dia 146"
  1. Olá Andreia. passei aqui por acaso e gostei do seu blog.

    ReplyDelete
  2. Muito obrigada! Seja bem vinda :)

    ReplyDelete

EMOTICON
Klik the button below to show emoticons and the its code
Hide Emoticon
Show Emoticon
:D
 
:)
 
:h
 
:a
 
:e
 
:f
 
:p
 
:v
 
:i
 
:j
 
:k
 
:(
 
:c
 
:n
 
:z
 
:g
 
:q
 
:r
 
:s
:t
 
:o
 
:x
 
:w
 
:m
 
:y
 
:b
 
:1
 
:2
 
:3
 
:4
 
:5
:6
 
:7
 
:8
 
:9